sexta-feira, 6 de fevereiro de 2009

Volta às aulas

Esta semana vivenciamos a volta às aulas. Crianças, jovens e adultos, estudantes ou não, retomaram suas atividades. A vida retoma sua rotina com a volta às aulas.
Iniciar um novo ano de aulas é um acontecimento singular. Para os estudantes é uma mistura de festa, expectativas, ansiedade, preocupação... São reencontro de colegas, novas amizades, curiosidade sobre os estudos, promessa de estudar mais. Para os professores, também reencontro com colegas, planejamentos, múltiplas expectativas quanto ao número de aulas, provas, correções, atividades, exames, salário, etc. Muitos alunos consideram as aulas chatas, professores exigentes, colegas insuportáveis, mas, tudo isso são preocupações menores. Afinal, quantas decisões de vida, convicções existenciais, projetos de vida são moldados no período escolar. Este é o tempo, também, do grande ensaio da convivência social, fazendo das diferenças uma riqueza e não um peso.
Digo isto não só como educadora, mas, como pessoa que aprendeu muito em minha época de estudante e trago comigo estas experiências que só me enriquecem como pedagoga, me aproximando mais dos alunos, ajudando-os em vários segmentos da vida. Podemos fazer da volta às aulas um ato de entusiasmo, com educadores acreditando em seus projetos e estudantes renovando a fé na vida.
A maioria das pessoas, quando fala em volta às aulas, só consegue discutir a respeito do trânsito que fica mais caótico, dos preços de materiais escolares, de valor de mensalidades, de estacionamento em filas duplas perto das escolas. São mães reclamando, pais estressados, alunos tristes ou ansiosos, refletindo desde o início em seu rendimento escolar.
Quantas crianças consideram difícil voltar à escola e procuram as mais esdrúxulas desculpas quando não estão preparadas para a volta às aulas, considerando a experiência como desagradável.
Atitudes simples, tomadas pelos pais e outros adultos que convivem com os estudantes, evitaria, estes conflitos.
É nosso dever educar a nós mesmos, adultos, com programas de educação, exemplificando que o aprender é muito importante. Demonstrar respeito para com a escola, funcionários, professores, evitando declarações pejorativas para que o educando tenha atitudes respeitosas e positivas sobre o ensino. Interessar-se pela vivência do estudante na escola, pelo que aprendeu de novo, fazendo-os entender que está progredindo e se desenvolvendo. Respeitar horários dos estudantes, inclusive os de lazer, organizar o tempo para cada atividade, cuidar de pequenos detalhes da saúde, organizar materiais, compreender inseguranças de primeiro dia de aula ou de outros problemas, saber escolher o transporte dos estudantes até a escola e a volta para casa, etc.
Ao se iniciar mais um ano letivo, para a escola é hora de dois grandes momentos: realização do "encontro pedagógico" e inicio da fidelização dos alunos (novatos e veteranos). O início das aulas significa, ao mesmo tempo, excitação e medo. Por isso, é estratégico para a escola iniciar a conquista dos seus alunos nesse dia. Recepção bem planejada, interação professores, funcionários, alunos, pais, investir na capacitação dos profissionais, tudo isto poderá ser o pontapé inicial que se transformará em gols durante o ano letivo.
É verdade que a realidade é bem diferente em certas escolas, principalmente naquelas em que se presenciam a violência e o desrespeito, mas, o mais importante neste momento é manter a coerência entre as expectativas e o real. Entre o que foi prometido e o que pode e está sendo feito.É preciso que a escola toda se sinta feliz com a volta dos alunos e que isto esteja explicito em cada gesto, em cada palavra. Afinal, sabemos que a vitória será duramente conquistada, no dia-a-dia, com pequenos detalhes que nos diferenciam e marcam a vida dos estudantes para todo o sempre.
A responsabilidade é de todos nós, pais, alunos e educadores.
Feliz Ano letivo de 2009. Muita paz!

11 comentários:

Miguel disse...

Aiaiaiaiai,
essa minha "fessora" é um poço de cultura e dedicação.
Acho que neste texto você colocou toda a sua alma de educadora.
Mostrou uma volta às aulas difefrente de tudo qued se ve ou lê nestas épocas.
Valeu o espírito, valeu a alma de pedagoga.
Agora, depois do elogio, creio ter o direito de bradar o que sinto.
Tenho? Então lá vai....
Estou sentindo hoje, mujita raiva dessa vollta ãs aulas. Por causa dela estou sendo privado de ficar mais tempo com vc...Perdi uma noite e um dia inteirinhos da sua companhia.
Fiquei com as migalhas dos sábados e dos domingos e, com elas, tenho de me contentar....
Protesto!
Veementemente PROTESTO!

Jeanne disse...

Aqui em Porto Alegre as aulas só recomeçam em março, ainda estamos em plena época de férias, com a cidade bem menos movimentada, principalmente nos fins de semana, qdo o pessoal vai para a praia.
Porque será????
Beijos

Zeca disse...

Soninha, feliz ano letivo de 2009 para todos e, especialmente para você, educadora de coração, que consegue produzir um texto intenso sobre assunto tão árido (pelo menos para mim que estou a anos luz dos ambientes escolares meus ou dos meus).
Beijo.

Eurico disse...

Soninha, bom trabalho pra vc. Muita paz!

Jens disse...

Oi "sôra" Sonia.
Feliz retorno às aulas. Pra cima com a viga. Sorte e paz.
(Vou te linkar lá na toca. Ok?)
beijo

Jacinta Dantas disse...

Voltar, sempre bom, saber voltar, ainda mais exercendo a função de formar pessoas para a vida.

Beijos

Thais disse...

Oi So,

To perdidaça aqui
uhauhauhauhaha

profi kirida que roda da hora. Adorei. Como vc é xiki fazendo esta homenagem pros teus alunos nossa

bju gde
fui

Mira disse...

Sonia minha amiga
Eu e meus foras....kkkkkkkkk
Não tinha salvado o link e não achava mais este seu espaço.
E a coragem de te pedir o endereço de novo????? Sabia que iria levar um puxão de orelha. E levei né.
Mas, em tempo, estou aqui lendo e gostando muito de tudo. Suas iniciativas e sua coragem de erguer suas bandeiras, como vc mesma fala, me estimulam.
Na escola de minha neta participo de algumas reuniões e acabo falando sobre estas diferenças que não podem existir e tambem acabo dando algumas sugestões e saõ sempre bem aceitas.
Vc está certa.
Muito legal mesmo.
Adorei amiga.
bjs.

dácio jaegger disse...

Êta nóis! Bota tempo nisso! Este assunto é tão grato a profissionais do seu gabarito, que embevece o letrado que muito mal sabe do miolo, da engrenagem e da alma que perquire, organiza e apresenta algum tempo depois o bolo bom-cado confeitado. Gostoso e produtivo espalha-se em inteligentes fatias. Beijos.

Dora disse...

Sônia, minha querida! Não sei das outras pessoas, mas, para mim, o retorno às aulas era sempre um momento marcante de ansiedade feliz e alvissareira!
Sempre amei minhas escolas, meu tempo de aluna, meu ambiente escolar, enfim.
Esperava, com alegria, minha volta ao convívio dos colegas, adorava até o cheiro do material escolar novo!rs
Li seu texto, com saudade dessas passagens que se repetiram tantas vezes, para mim, e, assim como vc disse me admirar, eu repito a você: admiro-a muito, como uma representante digna do significado da Educação, em todas as suas virtudes.
Beijo e beijo.
Dora

Ana Lúcia. disse...

Soninha, prof queridérrima!!
Tudo o que você disse tem o carimbo da verdade.
O início de todo ano letivo é essa mescla dos contrastes: medo e coragem, irreverência e ansiedade, alegria e tristeza, início e fim...
Sinto saudades dos meus velhos tempos. Pra mim, cada novo ano era o reencontrar de amigos,
o início dos cadernos novos cuidadosamente escolhidos,
era o uniforme impecável cuidado pela mamãe e vovó...
Era um conjunto, só de coisas boas e alegres que me traziam uma imensa felicidade!
Parece-me que antigamente "curtíamos mais essa amizade escolar", sobretudo éramos amigos dos professores, quantas foram as lágrimas derramadas em todas as formaturas e todos os finais de ano...
Hoje, há um distanciamento frio... As palavras de carinho foram substituídas por gírias que "nem eles sabem bem o que significam"...
Enfim, ficam as lições do passado saudoso,
e outras lições chegam com cada amanhecer!!
Sei que você será sempre sinônimo de alegria, amizade, laços de ternura, confiança...
E isso é lindo, engrandece ainda mais a tua beleza.
Seja sempre este GRANDE exemplo!!
Deixo aqui um beijãozinho ano letivo 2009 e um abração apertadinho lição nota dez...